Vem aí: novo material para restaurações dentárias

dentisticaO pesquisador Robert Hill, do Instituto de Dentística da Universidade Queen Mary de Londres, apresentou recentemente um estudo que indica que os compósitos utilizados nas restaurações dentárias podem ajudar a reparar as cáries dentárias. Segundo os dados apresentados pelo cientista, estes compósitos com o potencial de reparar as cáries dentárias podem ajudar a prolongar a vida das restaurações dentárias e reduzir a utilização de amálgamas à base de mercúrio.

O estudo do investigador britânico está focado nos compósitos de vidro bioativo e indica que este novo material “é único na sua capacidade de liberar fluoreto assim como quantidades significativas de cálcio e fosfatos que são necessários pra formar minerais nos dentes”.

Além disso, de acordo com o cientista, os compósitos dentários atualmente usados nas restaurações dentárias incluem materiais inertes, mas os novos biomateriais à base de compósitos de vidro bioativos “mostram interagir positivamente como o organismo fornecendo minerais que substituem os minerais perdidos devido às cáries dentárias”.

O compósito analisado pelo pesquisador já foi licenciado pela empresa BioMin Technologies, que revela que a tecnologia está sendo alvo do interesse de muitas empresas. De acordo com Richard Whatley, CEO da companhia, “usar este tipo de compósito de vidro bioativo para restaurações dentárias elimina a necessidade da utilização de amálgamas à base de mercúrio ao mesmo tempo que se oferece um compósito estético que ajuda a tratar o dente”.​

Gostou do post? Assine e receba posts ainda mais interessantes e informativos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *